Com enredo sobre Gonzaguinha, brasileiro no Líbano está entre os concorrentes para o carnaval 2017

20 08 2016

 

Samba Brasileiro

Vocês sabiam que aqui no Líbano, em pleno Oriente Médio temos samba?

Pois é, temos quem samba e também quem faz samba.

Samba é vida, é cultura, é ousadia, é alegria!

E foi assim que conhecemos o Alexandre Naval, carioca da gema e hoje vive no Líbano.

Mesmo longe de casa, ele decidiu continuar com as suas maiores paixões: Samba e carnaval.

Lá em 1983, quando  ainda tinha 11 anos, a dona Iracema levou o filho para conhecer de perto os encantos de uma escola de samba.

Foi no desfile da Estácio de Sá, que o Alexandre ficou fascinado e decidiu ali, que gostaria de fazer samba e participar daquele mundo mágico.

Quatro anos depois, ainda muito menino, resolveu  participar de um teste da bateria da escola Estácio de Sá. E não é que o Mestre Cica, diretor da bateria e muito, muito respeitado por todos, percebeu o talento do menino e deu uma forcinha para que ele pudesse desfilar.

Na Escola Estácio de Sá, o cantor e compositor Gonzaguinha será o grande homenageado na Marquês de Sapucaí, no carnaval 2017.

Todo sucesso do mundo para você Alexandre. Estamos aqui na torcida e temos certeza que o seu talento continuará sendo reconhecido por todos aqueles que amam o samba. Queremos ver o seu nome na grande final, no dia 9 de setembro.

E viva o nosso Gonzaguinha!

 9b1c5c_a32cc91150934e6a81f7b2e004e46e9c-mv2

Claro, até chegar o desfile, o Alexandre teve que ensaiar muito, muito mesmo…até poder se esbaldar no desfile do ano seguinte, com o enredo “Tititi do Sapoti”.

Em 1992, para sua grande alegria e satisfação, levaram o título de primeiro lugar pelo Grupo Especial e foi ali que outros sonhos surgiram.

Paralelo ao sonho do samba, Alexandre mantém um outro trabalho, que acabou fazendo com que ele ficasse um tempo afastado do samba.

E quem ama samba, vive pelo samba, faz samba, consegue ficar muito tempo longe do samba? Claro, claro que não, né gente?

E foi na Acadêmicos da Rocinha, em 98, que o Alexandre resolveu que era hora de realizar mais um sonho. O sonho de ser compositor e não é que ele se escreveu no concurso, que acabou resultando na presidência da ala de compositores por nove anos seguidos, acreditam?

Mas a recompensa chegou nos anos de 2013 e 2014. Anos que ele foi consagrado com campeão de samba enredo pela Acadêmicos da Rocinha.

9b1c5c_947adb67d93b46589c416c480e513eec-mv2

Os anos se passaram, os sonhos foram aumentando e hoje, vivendo em pleno Oriente Médio, o Alexandre não deixou de ser ousado. Mesmo longe do Rio de Janeiro, ele não consegue viver sem sua paixão pelo samba.

Como prova do seu amor pela composição, agora ele participa do concurso da Escola Estácio de Sá, com enredo Gonzaguinha, que nasceu na comunidade do São Carlos, lá no bairro Estácio de Sá, no Rio de Janeiro.

Espia aqui esse samba. Yalla😀

August 4, 2016

|

Lú Braga


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: