Passista do Salgueiro assume posto de rainha de bateria na Acadêmicos do Sossego

29 06 2017
Passista do Salgueiro assume posto de rainha de bateria na Acadêmicos do Sossego
Desfilando na Marquês de Sapucaí desde os 6 anos de idade,  a passista da Acadêmicos do Salgueiro, Maryanne Hipólito,  alcançou o concorrido posto de rainha de bateria do carnaval carioca com apenas 19 anos. É que no próximo ano ela sai a frente dos ritmistas do Mestre Átila da Acadêmicos do Sossego, escola de samba do Largo da Batalha, em Niterói.  O reinado foi comemorado com alegria pela mulata que promete causar a frente do segmento mais importante da escola.
“A minha história de vida está atrelada a Sossego. É com uma alegria imensa que assumo o posto de rainha. Vim pra somar e prometo representar a escola à altura. Quando fui rainha do carnaval de Niterói, superei diversos medos que eu tinha mas agora o desafio é maior. Estou disposta a dar tudo de mim. Com ensaios e muita dedicação, vou tirar de letra”, conta a rainha.
A relação da Mary com a Sossego é antiga. Cria do carnaval, pode se dizer que a dançarina nasceu em uma escola de samba. Isso porque seus pais se conheceram na quadra da agremiação. Sua mãe, a enfermeira Aline Hipólito, 36 anos, era passista e seu pai, o motorista Aureo da Costa Neto, 39 anos era ritmista da escola.  Morando no bairro de Pendotiba até hoje, cresceu frequentando a quadra da escola no Largo da Batalha e agora, encara o local como um desafio em sua história com o carnaval.
“Sempre identifiquei a Mary como a cara do samba de Niterói. Me Senti honrado dela aceitar nosso convite. Nossa escola mantêm a tradição de escola raiz, da comunidade, e ela tem esse perfil. Sempre frequentou a quadra respeitando as alas, sempre com carinho com todos. Ela é símbolo do samba em Niterói. Estamos cada vez buscando firmar nosso lugar entre as grandes escolas”, explica o presidente da Acadêmicos da Sossego, Wallace Palhares.
O currículo carnavalesco da rainha é extenso e cheio de samba no pé para sua pouca idade. Sua estreia na maior festa da terra foi em 2004, quando desfilou pela Caprichosos de Pilares com o enredo com homenageava a rainha dos baixinhos, Xuxa Meneghel. Dali, migrou para  a Viradouro, onde permaneceu por três anos como passista na antiga escola mirim Virando Esperança, onde ganhou um estandarte de ouro por melhor Ala em 2007.  Em seguida, passou a desfilar na Acadêmicos do Cubango, onde passou pela transição de passista mirim para adulta e permaneceu por nove anos, três como musa. Paralelamente, entrou para Acadêmicos do Salgueiro, onde ensaia com o coordenador e coreógrafo da Academia do Samba, Carlos Borges, conhecido como Carlinhos Salgueiro. Ela foi ainda, eleita rainha do carnaval de Niterói em 2016.
A coroação da Maryanne Hipólito acontece no dia 12 de agosto. A Acadêmicos do Sossego, escola do grupo A, será a terceira escola a desfilar na sexta-feira de carnaval, no dia 9 de fevereiro.
Marcelle Corrêa
Assessoria de Imprensa

 

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: